quarta-feira, março 19, 2008

Você disse que vai fumar charuto

Uma das coisas legais de esperar o bebê é ler a vasta literatura sobre quem já esperou. Tenho lido alguns livros engraçados e claro a gente vai tentando se identificar nas situações.
Já estou no sexto mês, agora mais e mais se aproxima o momento do parto. Medo, dúvidas, são básicos.
No capítulo sobre parto do Livro que estou lendo “Ser mãe é sorrir em parafuso” de Lô Galasso, me faz lembrar que você disse que irá comprar charutos para fumar com seus amigos na Maternidade. A visão disso me faz sorrir, eu não duvido nada...
Nos primeiros meses de gravidez, em que tínhamos a certeza que seria um menino, minha mãe, super desejosa e teimosa, dizia “É menina”, e ela me perguntou, você está mais próxima do G..? E aí pensei, realmente, estou mais dengosa, mais perto sim. E ela, "então é menina, quando eu te esperava, me apaixonei por seu pai”.
Penso sobre isso, estou apaixonada por seus cabelos, olho pra eles cheio de cachinhos, negros, agora prateando, enfio meus dedos neles, fofos, fofos. E olha que bastava eles crescerem um pouquinho e já ia dizendo, corta, corta.
E ontem, você contou historinha pra pequena, “João e o pé de feijão”, ela se comportou muito bem, ficou quietinha, com direito a alguns chutinhos, no entanto, eu também amei, a Cris pequenininha, estava com os olhos arregalados à beira da cama escutando ansiosa a história do menino com sua galinha dos ovos de ouro, fugindo pelo pé de feijão com a Harpinha do gigante.
E não duvido nada sobre os charutos, porque já fizemos algumas loucuras, bobeiras de crianças, já nos divertimos muito nesses 12 anos de vida juntos, pastéis com caldo-de-cana na Casa Verde em dia de votação e depois viagem até Guarulhos, com direito a muita chuva, pela Cidade Universitária.
Como me lembro de você pulando o cercadinho do hospital lá em Varginha, para me levar uma vitamina para que não ficasse sem comer. Isso é amor, é o que toca profundamente, em pequenos gestos.
E vcoê vai ficar lindo fumando charuto!

2 comentários:

Cleu Sampaio disse...

Ai que feliz que eu fico...

Gerth disse...

Cris
Criancas sao maravilhosas na sua capacidade de perdoar.Quando fazia alguma injustica com o meu Fernandinho eu ia a sua cama confessar meu erro e pedir perdao. Os abracos apertados que ele me dava sao inesqueciveis!
Agora chegou a sua vez de usufruir, aproveite bem pois voce merece.
Bjs
Edward